Blog do Marcelo Sá

Ceará pode comprar vacinas contra Covid direto de laboratórios em abril, projeta secretário

DN

Para acelerar a imunização da população contra a Covid-19, o Ceará planeja comprar doses diretamente de laboratórios internacionais, sem intermédio do Ministério da Saúde. A aquisição pode acontecer já em abril, caso as empresas disponham de estoque, segundo o titular da Secretaria Estadual da Saúde (Sesa), Dr. Cabeto.

De acordo com o gestor, o Ceará mantém diálogo com as empresas há meses e fez propostas aos laboratórios internacionais para ter prioridade na compra das doses, que vão complementar a fase 3 de imunização no Estado. 

A compra direta dos imunizantes validados também depende da aprovação do projeto de lei 534/2021, apresentado terça-feira (23) pelo presidente do Senado, Rodrigo Pacheco. O PL propõe permitir a compra de vacinas contra o coronavírus por empresas privadas, estados e municípios.

O uso do imunizante produzido pela Pfizer, por exemplo, está previsto pela Sesa no Plano de Operacionalização para Vacinação contra Covid-19. A vacina obteve registro definitivo pela Anvisa nessa terça-feira (23).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *