Blog do Marcelo Sá

Chega ao Ceará carga de 200 respiradores e toneladas de insumos adquiridas pelo Estado

O avião com o carregamento pousou no Aeroporto de Fortaleza na tarde desta segunda-feira (18). O material será distribuído em unidades de saúde da Capital e do interior do estado

Chegaram a Fortaleza, na tarde desta segunda-feira (18), 200 respiradores, equipamentos de proteção individual (EPIs) e insumos, totalizando 103,7 toneladas de material adquirido pelo Governo do Ceará no exterior para o enfrentamento ao novo coronavírus. O avião cargueiro da empresa Ethiopian Airlines, fretado pelo Estado, pousou em solo cearense por volta das 15h30, após decolar da China neste final de semana com os utensílios que serão utilizados para reforçar o sistema público de saúde do Ceará e dar segurança aos profissionais que estão atuando na linha de frente do combate à pandemia.

A chegada de mais uma leva de respiradores proporcionará a abertura de novos leitos de unidade de terapia intensiva para o atendimento daqueles pascientes que estão mais necessitados de cuidados nesse nomento por conta de complicações decorrentes da Covid-19, explicou Camilo Santana. “Serão 200 UTIs a mais para nossos hospitais públicos de Fortaleza e do interior do estado. Tudo continuaremos fazendo para proteger os cearenses e salvar vidas no enfrentamento ao coronavírus”, enfatizou.

O Estado já colocou em funcionamento 570 leitos de UTIs – só na Capital foram mais de 400. O secretário da Saúde do Ceará, Dr. Cabeto, informou que nesta terça-feira (19) esses equipamentos já começam a ser distribuídos para as unidades de saúde. “Vamos hoje checar os equipamentos para a partir de amanhã começar a distribuição. Uma parte vai ficar dentro de Fortaleza, nas unidades do Estado, e para algumas unidades de pronto-atendimento que estão sendo inauguradas, mais as UTIs que o Estado está colaborando com os municípios de Icó, Iguatu, Crateús, Itapipoca, Maracanaú, Caucaia, Tianguá, Limoeiro do Norte e para unidades menores, onde se possa fazer o primeiro atendimento”, detalhou o titular da Secretaria da Saúde.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *