Reunião define vazão para o Açude Orós

O Prefeito Simão Pedro participou na última semana da Reunião de Avaliação e Operação Emergencial 2017.1 dos reservatórios que perenizam os Vales do Jaguaribe e Banabuiú, no dia 18 de abril, no município de Iguatu. Com objetivo de avaliar a operação emergencial dos açudes Banabuiú, Orós e Castanhão. Na oportunidade foram definidas novas diretrizes para a continuidade da operação, no período da quadra chuvosa de 2017.

O prefeito Simão Pedro participou da reunião representando o executivo municipal, depois de ser eleito recentemente como membro do comitê da sub bacia hidrográfica do alto Jaguaribe.

A Companhia de Gestão dos Recursos Hídricos (Cogerh) apresentou aos membros dos Comitês do Alto, Médio e Baixo Jaguaribe, Banabuiú, Salgado e Metropolitanas os dados técnicos do açude Banabuiú que se encontra com 0,72% de sua capacidade, do Orós, com 10,79%, e do Castanhão, com 5,97%.

Após o debate foi deliberada uma redução de 1m³ da vazão média liberada do açude Castanhão, ficando 12,5m³ , e 1 m³ da vazão média liberada do açude Orós, ficando 2 m³. As novas vazões se estendem até a reunião do mês de junho. Na última Reunião de Avaliação, no dia 10 de março, a vazão média do Castanhão ficou definida em 13,5 m³ e, do Orós, em 3 m³.

Os membros do Comitês também aprovaram uma Moção de Repúdio que será encaminhada ao Governo Federal, pelo descaso na condução e conclusão da Transposição das Águas do Rio São Francisco, no Eixo Norte.

A Cogerh/Sede esteve representada pela diretora de Operações, Débora Rios, pela Gerência de Gestão de Recursos Hídricos e Gerência das Bacias Metropolitanas, além das Gerências Regionais de Iguatu, Quixeramobim, Crato e Limoeiro do Norte. Também estiveram representantes da Secretaria de Recursos Hídricos do Estado, Secretaria de Desenvolvimento Agrário do Estado, Companhia de Água e Esgoto do Ceará (Cagece), Banco do Nordeste, a prefeita de Quixelô,  Fátima Gomes, e o prefeito de Orós, Simão Pedro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *